Agende sua consulta

Busque o profissional de saúde mais perto de você

Cadastre-se

Portal do Médico

Faça login

Afastador Caspar Lombar Para Laminectomia 60mm

Preço: R$ 750,00
Afastador Caspar Lombar Para Laminectomia 60mm

  • Condição: Novo
  • Fabricante: Outros
  • Garantia: Não informado
  • Dias para postagem: 10 Dias

Informações sobre o vendedor

Vendedor de São Paulo

485 Vendas feitas no portal
4,6 4,6 4,6 4,6 4,6 Média das avaliações
Veja mais produtos deste vendedor

Compra garantida pelo Portal do Médico, seu dinheiro fica conosco até que você receba seu produto ou devolvemos seu dinheiro

Por apenas
R$750,00 À vista
no boleto bancário
-
+
Quantidade(1000 Item em estoque)

Informações sobre o produto

Afastador Caspar Lombar Para Laminectomia 60mm

Instrumento cirúrgico articulado não cortante.

Produzido em aço inoxidável.

Instrumental #padrão, qualidade e acabamento impecável.

Utilizado em procedimento de laminectomia.

A laminectomia é um tipo de cirurgia de coluna usada para aliviar a compressão da coluna vertebral. Nessa cirurgia remove-se a lâmina (parte do osso que forma o arco vertebral da coluna) e/ou os bicos de papagaio. Essas estruturas podem pressionar a medula espinhal ou as raízes dos nervos e causar:

  •  dor branda a intensa na coluna
  •  dormência ou fraqueza nas pernas
  •  dificuldade para andar
  •  perda de controle da bexiga e dos movimentos intestinais

Somente se faz uma laminectomia se os sintomas interferirem na rotina do paciente e. quando tratamentos menos invasivos falharam.

A cirurgia também é chamada de:

  •  laminectomia lombar
  •  laminectomia cervical
  •  laminectomia descompressiva

Uso

A laminectomia é frequentemente usada para aliviar os sintomas da estenose (estreitamento) da coluna. Nesta doença, a coluna vertebral se estreita e pressiona a medula espinhal ou os nervos. A estenose vertebral pode ser causada por:

  •  envelhecimento (os discos da coluna começam a encolher, enquanto os ossos e os ligamentos incham
  •  artrite na coluna (mais comum em idosos)
  •  defeito congênito (defeito de nascimento), tal como crescimento anormal da coluna
  •  Doença de Paget óssea (uma doença na qual os ossos crescem de modo incorreto)
  •  acondroplasia (nanismo)
  •  tumores na medula
  •  lesão por traumatismo
  •  hérnia de disco ou deslocamento de disco

Procedimentos

A laminectomia é realizada sob anestesia. O paciente pode dormir durante o procedimento (anestesia geral). Poderá também ficar acordado sob anestesia raquidiana. De qualquer forma, o paciente não sentirá dor alguma durante o procedimento.

Durante a laminectomia, o cirurgião geralmente irá:

  •  limpar a pele sobre o local da cirurgia com uma solução antisséptica para evitar infecções bacterianas
  •  fazer uma pequena incisão (corte) no meio das costas ou da nuca do paciente
  •  mover a pele, músculos e ligamento para os lados, para enxergar melhor
  •  remover parte ou todas as lâminas ósseas da coluna
  •  remover os bicos de papagaio ou pequenos fragmentos dos discos
  •  fechar a incisão com pontos
  •  cobrir a incisão com curativos estéreis

Durante o procedimento, o cirurgião poderá fazer ainda uma fusão vertebral, na qual dois ou mais ossos da coluna são conectados para dar melhor estabilidade à coluna, ou uma foraminotomia, na qual a área por onde passam as raízes dos nervos é alargada.

De acordo com o Instituto Nacional de Saúde dos EUA (National Institutes of Health – NIH), a cirurgia leva entre uma e três horas (NIH, 2010).

Riscos

Os riscos das cirurgias de coluna são:

  •  lesão em algum nervo da medula espinhal
  •  tratamento malsucedido (a dor persiste após a cirurgia)
  •  retorno da dor nas costas (particularmente após a fusão vertebral)
  •  infecção no local da incisão cirúrgica ou nas vértebras

Os riscos cirúrgicos incluem:

  •  coágulos sanguíneos nas pernas
  •  dificuldades respiratórias
  •  infecções
  •  perda de sangue
  •  ataque cardíaco
  •  acidente vascular cerebral (AVC ou derrame)
  •  reação à medicação

Preparação

A pessoa deverá dizer a seu médico se:

  •  vem tomando qualquer medicamento, vitamina ou suplemento alimentar prescritos ou de venda livre
  •  está grávida ou acredita que possa estar grávida
  •  é sensível ou alérgica a qualquer medicamento, agente anestésico, esparadrapo ou látex

Antes da cirurgia, o médico pode pedir ao paciente que:

  •  interrompa os medicamentos que diminuem a coagulação do sangue (medicamentos que “afinam o sangue”), tais como a aspirina
  •  pare de fumar, caso seja um fumante
  •  não coma nem beba nada após a meia-noite da noite anterior à cirurgia

O paciente deve combinar com alguém que o leve para casa após a cirurgia. Deve também combinar com alguém para auxiliá-lo em casa enquanto se recupera.

Pergunte ao vendedor

Não digite dados de contato, não use linguagem vulgar, oferte ou pergunte por outro produto.

Últimas perguntas

Sem perguntas ainda, seja o primeiro a perguntar!

Avaliação do produto

Carregando